Dom Perignon Luminous Label: o champagne que acende. 3


BMNOy6RCUAAJe5v

Dom Perignon Luminous Vintage 2004: grande poder de fixação da marca.
Crédito da foto: Jay Jones

Quando vi a Dom Perignon Luminous Vintage 2004 pela primeira vez, fiquei enlouquecida. Não, a garrafa não é nada brega! Ao contrário, é algo bem marcante, que depois de aberta pode até servir como peça de decoração.

Qual não foi minha surpresa então ao ganhá-la de Valentine’s Day do meu marido na última sexta. Fiquei ultra feliz!! Um champagne Dom Perignon Vintage 2004 já seria um excelente presente, sendo de uma edição especial então, melhor ainda.

O Dom Perignon é feito pela casa Möet & Chandon só é produzido nos melhores anos com as melhores safras. A safra de 2004, segundo o chefe da cave Richard Geoffroy, foi de riqueza e generosidade. As uvas amadureceram bem, encarnando a perfeição que tanto buscava o monge Dom Perignon.

Esse champagne, que já tem 10 anos, tem muita vida pela frente. É feito com 53% de uvas Pinot Noir e 47% de Chardonnay. No nariz ainda é possível sentir frutas brancas, mas há um toque de amêndoas e aquele toque de fermento/brioche típico dos champagnes. Na boca é muito mineral, com grande complexidades de sabores, mas uma textura extremamente suave.

IMG_4983

Eu e minha garrafa de Dom Perignon Luminous Label. Já se apaixonou pelo rótulo também?

Sobre o rótulo: ele vem com uma bateria na parte inferior da garrafa e você pode acende-lo e apagá-lo com um simples botao. Para mim, essa foi a grande jogada de marketing da Dom Perignon. É um modo de fixar a marca na cabeça das pessoas e só de ver o desenho do rótulo você já identifica a bebida. Algo meio como o símbolo do Batman.

Boa semana e aqui vai um vídeo do lançamento desse champagne em Munique, na Alemanha. Saúde!

Comentários

comments


Leave a Reply to Ale Esteves Cancel reply

3 thoughts on “Dom Perignon Luminous Label: o champagne que acende.