5 dicas de como escolher vinhos para casamento 4


bride_wine_wedding_1Fiz esse post em homenagem a meu primo, que casará em breve e me pediu algumas dicas de qual vinho comprar. Pensei em 5 regras básicas para a escolha dos vinhos para casamento:

1) Prove sempre: a noiva prova o vestido, o noivo prova o traje, os noivos provam os doces, salgados, tudo é provado em um casamento. Há prova de convites, prova até da calígrafa, então porque não provar o vinho antes? Acho ruim das importadoras/lojas não disponibilizarem uma degustação aos noivos, sendo que estes compram uma quantidade grande de garrafas. Peça para provar! Acho que a maioria das lojas tem margem e pode oferecer uma degustação.

2) Simplifique: claro que o sonho dos noivos em harmonizar os diversos pratos com vinhos é válido, mas acho que isso funcionaria em uma cerimônia menor. As vezes é melhor um bom espumante que harmonize com tudo e vá do começo ao fim da festa, do que ter várias garrafas que não vão ser servidas em razão de gosto, clima no dia da festa, etc..

3) Importado nem sempre é melhor que o nacional: o Brasil tem produzido excelentes espumantes (Villaggio Grando, Cave Geisse, Rio Sol, Chandon) e em uma boa faixa de preço. Às vezes é melhor comprar o nacional do que um Prosecco italiano de qualquer marca. Muitos deles não são da região mais famosa de Valdobiadenne e podem não ser de qualidade. Lembro que os Proseccos que compramos no Brasil por R$ 30,00, custam cerca de 3 euros na Itália.

4) Harmonize a bebida com o estilo da festa: seu casamento é na praia ou durante o dia? Então escolha vinhos brancos, espumantes ou tintos leves. Para casamentos à noite ou no inverno, vinhos e comidas mais encorpados são bem vindos. Vai ser uma festa pequena? Que tal caprichar e servir uma champanhe safrada ou um tinto especial?

cork-creations

Fonte: http://www.corkeycreations.com/

5) Quantidade de garrafas: verifique na loja se há a opção de consignar os vinhos, assim você leva uma quantidade maior de garrafas para o local da cerimônia, mas só vai pagar pelo que consumir. Se não for possível, os cálculos devem levar em conta o clima, local, tipo de festa, tipo de comida e perfil dos convidados. Uma garrafa de champanhe serve 7 convidados e a de vinho serve até 6 pessoas. Mas ninguém vai tomar uma taça só…

De toda forma, e para que a diversão continue no dia seguinte, beba moderadamente e indique aos seus convidados como chamar um táxi. Felicidades e Saúde!!

Comentários

comments


Leave a Reply

4 thoughts on “5 dicas de como escolher vinhos para casamento